Anais do I Colóquio Semiótica das Mídias. vol. 1, nº 1. João Pessoa, PB: UFAL, 2012.

O discurso publicitário veiculado em revistas impressas: as representações das ideias de paternidade e maternidade nos anos 1982 e 2012 na revista Veja

André Melo Mendes
UFMG

 

O objetivo dessa pesquisa é identificar e compreender melhor os discursos veiculados pela mídia impressa na semana que antecede o Dia das Mães e o Dia dos Pais. Para realizar essa pesquisa foram escolhidas como objeto de estudo as propagandas relacionadas a esses temas, impressas na revista de maior circulação nacional, a revista Veja desse ano (2012). Como elemento de comparação foram escolhidas as propagandas impressas referidas ao mesmo tema, na mesma revista vinte anos antes (1982). A partir da identificação e categorização desses discursos, pretende-se estabelecer uma tipologia que permita uma reflexão sistemática sobre a produção de sentido dos discursos publicitários veiculados na mídia impressa. Além disso, essa pesquisa tem a intenção de aprimorar um método de análise de propagandas, de base semiótica, que, de maneira resumida, consiste em sistematizar um conjunto de procedimentos objetivos que dão sustentação a uma análise subjetiva. A escolha da mídia impressa se deu porque, na contemporaneidade, dentre as diversas mídias relevantes na produção de sentido numa comunidade, as revistas impressas ainda possuem uma grande influência na sociedade brasileira. Devido a sua elevada tiragem e circulação, atingem milhões de leitores, todas as semanas. Dentre as instâncias produtoras de discurso numa revista impressa, destaca-se o discurso publicitário que ajuda a ordenar, antecipar (ou questionar) valores e modelos de comportamento. Durante o período das datas celebrativas, especialmente na semana que antecede a sua comemoração, há um grande investimento na produção e veiculação de propagandas, gerando uma grande quantidade de discursos que envolvem conceitos como maternidade, família e paternidade, amizade, etc. que são relevantes para a produção de sentido na nossa sociedade. Partindo do pressuposto de que existe uma negociação de representações entre os leitores e os textos midiáticos (inclusive as revistas), entendemos que a análise das propagandas veiculadas na revista Veja nos permitirá detectar traços importantes que ajudarão a compreender melhor nossa cultura, nossa mídia e os processos de negociações que ocorrem entre essas duas instâncias. Dentre essas datas especiais foram selecionadas o Dia dos Pais e o Dia das Mães porque consideramos que a análise e reflexão sobre a produção de sentido a respeito dos conceitos de paternidade e maternidade são muito relevantes para determinação dos sujeitos sociais e permitem uma rica discussão sobre identidade e consumo (posteriormente é possível ampliar esse estudo para outras datas comemorativas). Nesse momento, ainda estamos no início da pesquisa, terminando as análises relativas às propagandas do Dia das Mães do presente ano. Apesar de ainda ser o início do trabalho já podemos perceber a existência de algumas categorias que dizem um pouco do nosso tempo e da nossa sociedade.