Com os desafios impostos pela pandemia, o Pentálogo XI não será realizado este ano. Devido às medidas de isolamento social, desenvolvemos o CISECO Entrevistas, com a participação de ilustres convidados. O intuito da iniciativa é promover o debate e aproximar pesquisadores mesmo à distância, sob uma nova forma de interagir e trocar conhecimentos. O CISECO Entrevistas é uma atividade que poderá inspirar temática a ser desenvolvida durante o Pentálogo XI – este deverá ocorrer em 2021, no modelo tradicional. Os primeiros vídeos do projeto já estão disponíveis, e podem ser acessados através do canal do CISECO no YouTube. Confira!

 

Antônio Fausto Neto e Antônio Heberlê abrem o circuito de entrevistas

No primeiro episódio deste novo formato, o pesquisador da Embrapa e vice-presidente do CISECO Antônio Heberlê recebe Antônio Fausto Neto, presidente do CISECO, pesquisador e professor no Programa de Pós-Graduação em Comunicação da UNISINOS. Na conversa, são discutidas as consequências simbólicas da pandemia no estudo e pesquisa nas áreas da Comunicação e da Semiótica, além da disputa que se apresenta entre processos circulatórios. Para assistir a entrevista completa, clique em: https://www.youtube.com/watch?v=xE4JxfcGdGI&feature=youtu.be

 

Maria Aparecida Moura é entrevistada por Laura Guimarães Corrêa

Maria Aparecida Moura é professora titular da UFMG, doutora em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP e tem pós-doutorado em Semiótica Cognitiva e Novas Mídias pela Maison des Sciences de L’Homme (França). Na conversa com Laura Guimarães Corrêa, diretora do CISECO, fala sobre observar e entender a situação de pandemia que se apresenta, sob a lente da semiótica e diante dos mecanismos absolutamente coloniais que coordenam o planeta hoje, nas palavras da entrevistada. Moura atua nos programas de pós-graduação em Comunicação Social e Ciências da Comunicação. É pesquisadora e documentarista das culturas digitais e tradicionais, além de integrante do Grupo de Pesquisa em Comunicação, Raça e Gênero (Coragem). A entrevista pode ser assistida em: https://www.youtube.com/watch?v=CM7adz9RyP8&feature=youtu.be

 

Rosane Borges concede entrevista à Laura Guimarães Corrêa

Doutora em Ciências da Comunicação e pesquisadora na USP, Rosane Borges, conversa com a diretora do CISECO Laura Guimarães Corrêa sobre os entrelaçamentos de crise acentuados durante a pandemia. Segundo a entrevistada, é preciso “construir sentidos que amplifiquem, e não sacrifiquem”. Rosane Borges também atua como articulista da revista Carta Capital Digital e do site Jornalistas Livres; autora de diversos livros e capítulos sobre jornalismo brasileiro, mídia, racismo e a contemporaneidade; também é conselheira de honra do Conselho Internacional Reinventando a Educação. Para assistir a entrevista completa, acesse: https://www.youtube.com/watch?v=kqkDjcOO6Cg&feature=youtu.be

 

Beatriz Quiñones Cely conversa com Pedro Russi

O diretor do CISECO Pedro Russi conversa com a doutora em Ciências da Comunicação e professora associada na Universidad Nacional de Colombia (UNAL) Beatriz Quiñones Cely sobre a midiatização da Covid-19. A pesquisadora convidada é também fundadora e docente no Mestrado em Meios no Instituto de Estudios em Comunicación y Cultura (ICEO)/Facultad de Ciencias Humanas, além de responsável pela formação do doutorado interdisciplinar em Comunicação e Imagem que reúne as Faculdades de Artes, Ciências, Engenharia, Economia, Ciências Humanas e Medicina da UNAL, sede Bogotá. A entrevista pode ser acessada através do link: https://www.youtube.com/watch?v=3Ipu33uLIn8

 

Rosaly Brito entrevista Fábio Fonseca de Castro

Professores do PPG em Comunicação, Cultura e Amazônia e Faculdade de Comunicação da UFPA, dialogam sobre “Crise pandêmica e comunicação em contextos amazônicos: singularidades, inquietações, desigualdades”. Fábio Fonseca de Castro é professor associado e pesquisador do Programa de Pós-Graduação em Comunicação, Cultura e Amazônia (PPGCOM/UFPA) e do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido (PPGDSTU/UFPA) do Núcleo de Altos Estudos Amazônicos. Professor da Faculdade de Comunicação da UFPA. Rosaly Seixas é professora associada do Porgrama de Pós-Graduação em Comunicação, Cultura e Amazônia (PPGCOM/UFPA) e da Faculdade de Comunicação da UFPA. Para conferir a entrevista completa, acesse: https://www.youtube.com/watch?v=dddk26EFSIY

 

Gastón Cingolani conversa com Antônio Fausto Neto

O presidente do CISECO, Antônio Fausto Neto, recebe Gastón Cingolani, professor da Universidade Nacional das Artes da Argentina. Na conversa, os pesquisadores falam sobre produção de sentidos em torno dos impactos causados pela Covid-19 no cotidiano midiático e não midiático, assim como a transformação dos contatos e vínculos sociais em razão da pandemia. Gastón Cingolani é professor de graduação e pós-graduação em comunicação, semiótica e meios na área Transdepartamentental de Crítica das Artes na Univesidade Nacional das Artes, na Faculdade de Jornalismo e Comunicação Social (UNLP), e na Universidade de San Andrés. Assista a entrevista através do link: https://www.youtube.com/watch?v=SOMZVl3VzmI

 

Laura Guimarães Corrêa entrevista Claudia Bernard

A diretora do CISECO Laura Guimarães Corrêa conversa com a pesquisadora britânica Claudia Bernard, professora titular na Goldsmiths University of London, Reino Unido. Na mesma instituição, Claudia Bernard é coordenadora de Pesquisa em Pós-Graduação no Departamento de Estudos Sociais, Terapêuticos e Comunitários. É autora de artigos e livros sobre Interseccionalidade. É referência em sua área de atuação, com foco na articulação gênero, raça e classe. Para assistir a entrevista completa, visite: https://www.youtube.com/watch?v=8OKRBTgDtqs

 

Armando Silva concede entrevista à Pedro Russi

O diretor do CISECO Pedro Russi e o pesquisador entrevistado Armando Silva, da Colômbia, dialogam sobre processos comunicacionais e imaginários. Armando Silva é PhD em Filosofia e Literatura Comparada pela Universidade da Califórnia. Também é Pesquisador Emérito da Universidade Nacional da Colômbia e Diretor do Doutorado em Estudos Sociais da Universidade Externado da Colômbia; e professor convidado em universidades da América e Europa. Confira a entrevista completa em: https://www.youtube.com/watch?v=7PZ4T95qSH8

 

Antônio Heleno Caldas é entrevistado por Antônio Heberlê

O vice-presidente do CISECO Antônio Heberlê recebe o jornalista Antônio Heleno Caldas, para uma conversa sobre Geocomunicação e sobre “a semiótica dos mapas e a comunicação na pandemia”. Antônio Heleno Caldas Laranjeira colabora online como Professor de Comunicação Digital pelo Instituto Brasileiro de Pesquisa e Análise de Dados (IBPAD) e como Jornalista dos portais InfoSãoFrancisco e Outras Palavras. É pesquisador integrante dos grupos de pesquisa (CNPq) em Geografias da Comunicação Regional e Grupo de Estudos e Práticas Laboratoriais em Plataformas e Softwares Livres e Multimeios (LinkLivre). Para assistir a entrevista, acesse: https://www.youtube.com/watch?v=VllAbagWj_k

 

Camila Calado e Gustavo Said falam sobre “Imaginário e pandemia”

Professores na Universidade Federal do Piauí, Camila Calado e Gustavo Said discorrem sobre a nocividade da invisibilidade do Coronavírus que, ao mesmo tempo, é um estímulo ao imaginário. Gustavo Said é Doutor em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos, professor titular da graduação e do mestrado da Universidade Federal do Piauí. Camila Calado é Doutora em Comunicação e Cultura pela Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (ECO-Pós/UFRJ) e atualmente colabora como professora do Mestrado em Comunicação da UFPI e professora substituta da graduação em Jornalismo da mesma instituição. Assista a entrevista clicando em: https://www.youtube.com/watch?v=xLTcSOcxBoM

 

Moisés Sbardelotto conversa com Viviane Borelli

Os pesquisadores dialogam sobre as interfaces da Covid-19 em ambientes midiático-religiosos. Abordam a temática sob três diferentes eixos: a circulação discursiva do vírus nos ambientes midiático-religiosos; a transformação das práticas religiosas suscitadas pela tecnologia; e as especificidades das redes digitais no universo católico. Viviane Borelli é Professora do Departamento de Ciências da Comunicação e do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade de Santa Maria no Rio Grande do Sul (UFSM). Moisés Sbardelotto é Mestre e Doutor em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), na linha de pesquisa Midiatização e Processos Sociais. Atualmente, é professor colaborador do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação da Unisinos, onde realiza estágio pós-doutoral (bolsa Fapergs/Capes). Confira a entrevista completa no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=UF0NmWn_mss

 

Marcos Fábio Belo Matos entrevista Maria Felícia Romeiro Mota Silva

O tema da conversa entre os pesquisadores é “o novo normal e a produção de sentido na mídia”. Marcos Fábio Belo Matos é pós doutor em Comunicação pela Unisinos e professor associado dos cursos de Pedagogia e Jornalismo da Universidade Federal do Maranhão – Imperatriz. Maria Felícia Romeiro Mota Silva é licenciada em Letras pela UBEB e Doutora em Linguística pela UNB. Atualmente, é professora da UFOB, onde atua no ensino, em pesquisas com os temas: Letramento Acadêmico; Discursos, Identidades e Mídia e em projetos de extensão voltados à arte e educação; também faz parte do Núcleo de Estudos Discursivos do Oeste da Bahia – NEDOB. A entrevista pode ser assistida em: https://www.youtube.com/watch?v=UGA42hjVUTM&t=213s

 

Antônio Heberlê recebe o pesquisador Fernando Nobre Cavalcante

Doutor pela UFRN, Fernando Nobre Cavalcante discorre sobre suas investigações a respeito das interações desenvolvidas a partir da interdisciplinaridade, como a comunicação focada nos estudos da mídia e as ciências da computação, e outras abordagens observadas em sua pesquisa. Antônio Heberlê é pesquisador da Embrapa e vice-presidente do CISECO. Fernando Nobre Cavalcante é Doutor em Estudos da Mídia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Atualmente, é professor adjunto do Centro Universitário 7 de Setembro e participa da implementação dos cursos de Educação a Distância da UNI7 e o Núcleo de Pesquisa em Comunicação (NUPECOM) da instituição. Acesse a entrevista através do link: https://www.youtube.com/watch?v=Nm_a9ODvezE&t=2s

 

Ion de Andrade é entrevistado por Antônio Fausto Neto

O presidente do CISECO, Antônio Fausto Neto, dialoga com o médico epidemiologista e pesquisador da Universidade Federal do Rio Grande do Norte sobre contágio e prevenção da Covid-19. O entrevistado comenta ainda a respeito das decorrências da pandemia nos circuitos comunicacionais, segundo o campo da saúde. Ion de Andrade é Médico Epidemiologista da Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Norte e Pesquisador do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde – LAIS – UFRN. Colabora com o site “GGN – o Jornal de Todos os Brasis” (www.jornalggn.com.br). Antônio Fausto Neto é Presidente do CISECO e Professor no Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Unisinos. Assista a entrevista completa no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=1pe2GgovXoQ

 

Catiane Rocha conversa com Magali do Nascimento Cunha

Convidada pelo CISECO, Catiane Rocha, professora no IFBA, entrevista a coordenadora do Grupo de Pesquisa Comunicação e Religião da INTERCOM, Magali Cunha, sobre o tema “A circulação midiática de manifestações do Fundamentalismo religioso-político durante a Pandemia da Covi-19 no Brasil”. Magali do Nascimento Cunha é Doutora em Ciências da Comunicação pela USP e Mestre em Memória Social pela UFRJ. Coordena o Grupo de Pesquisa Comunicação e Religião da INTERCOM e integra a Associação Internacional Mídia, Religião e Cultura e a Associação Mundial de Comunicação Cristã. Também é colaboradora do Conselho Mundial de Igrejas (Genebra/Suíça), e articulista da revista Carta Capital. Catiane Rocha Passos de Souza é Doutora pelo Programa Multidisciplinar em Cultura e Sociedade na Universidade Federal da Bahia – UFBA e Cursou Doutorado Sanduíche no PPGCOM da Unisinos. Fez mestrado em Letras e Linguística pela UFAL e, atualmente, é professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia – IFBA, Campus Salvador. Atua como pesquisadora nos Grupos de Pesquisa GEOTEC e GPEC (IFBA). Acesse a entrevista em: https://www.youtube.com/watch?v=yzHXUrDr0m8

 

“Pandemia, comunicação e aprendizado”, José Luiz Braga é entrevistado por Antônio Fausto Neto

Antônio Fausto Neto, presidente do CISECO, conversa com o professor José Luiz Braga, do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Unisinos, sobre “comunicação e aprendizado”. O tema debatido durante o Pentálogo X, em 2019, é agora retomado pelos pesquisadores no contexto da pandemia da Covid-19. José Luis Braga é professor titular e pesquisador no Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Unisinos (RS) desde 1999, tendo coordenado o Programa no período de 2002 a 2004. É Pesquisador 1A do CNPq. Doutor em Comunicação pela Université de Paris II, Institut Français de Presse (1984). Mestre em Educação pela Florida State University. É autor de “A sociedade enfrenta sua mídia: dispositivos sociais de crítica midiática” (Editora Paulus, São Paulo, 2006); e de outros livros e artigos acadêmicos na área da Comunicação. Atua principalmente nas seguintes áreas de interesse: métodos de pesquisa em Comunicação; crítica mediática; mediatização. Antônio Fausto Neto é presidente do CISECO e professor titular e pesquisador no Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Unisinos. A entrevista pode ser assistida em: https://www.youtube.com/watch?v=fpzWfCF8zUs

 

“Jornalismo e fake news em tempos de Covid-19”, Marcos Fábio Belo Matos entrevista Marcelli Alves

A convite do CISECO, Marcos Fábio Belo Matos entrevista Marcelli Alves, que fala sobre a pesquisa que vem desenvolvendo a respeito das Fake News disseminadas durante a pandemia da COVID-19. Ambos docentes da UFMA, os pesquisadores conversam sobre “uma análise do jornalismo em tempos de pandemia”. A sessão “Fato ou Fake”, do portal de notícias G1, foi adotada como observável para a investigação que tem como parâmetro de análise a confirmação do primeiro caso de Coronavírus no Brasil. Marcelli Alves é Doutora em Comunicação (Jornalismo e Sociedade) pela Universidade de Brasília e professora adjunta da Universidade Federal do Maranhão. Possui graduação em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Especialização em Imagem e Som (UFMS), Mestrado em Produção e Gestão Agroindustrial (Uniderp) e Especialização em Gestão de Negócios de IES pela Universidade Estácio de Sá do Rio de Janeiro. Marcos Fábio Belo Matos é Licenciado em Língua Portuguesa pelo Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, bacharel em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão, especialista em Língua Portuguesa pela Faculdade Atenas Maranhense, Mestre em Comunicação e Cultura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, doutor em Linguística e Língua Portuguesa pela UNESP/Campus de Araraquara e pós-doutor em Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Confira a entrevista completa em: https://www.youtube.com/watch?v=c6BaKj-Jf-A

 

“Ciência e sociedade no enfrentamento à pandemia”, Manuela Callou conversa com Aline Fideles

Professora do curso de Relações Públicas da UFAL, Manuela Callou entrevista pesquisadora e professora do curso de Farmácia da UFAL Aline Fideles, sobre como a popularização da ciência à sociedade pode contribuir no enfrentamento da Covid-19. A entrevista foi produzida por Manoella Neves, professora do curso de Relações Públicas da UFAL, a convite do CISECO. Aline Fidelis é professora no curso de Farmácia da Universidade Federal de Alagoas - UFAL. Possui graduação em Farmácia/Bioquímica, e mestrado em Química e Biotecnologia pela mesma universidade. É doutora em Ciências pela UFAL. Docente do Programa da Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas e Coordenadora do Programa Centro de Informações Toxicológicas da UFAL, modalidade Mestrado. Também é líder do Grupo de Pesquisa em Toxicologia - GPTox (CNPq/PROPEP/UFAL) e Coordenadora do Laboratório de Toxicologia do Instituto de Ciências Farmacêuticas da UFAL. Manuela Callou é Coordenadora do Curso de Graduação de Relações Públicas da Universidade Federal de Alagoas – UFAL. Possui graduação em Comunicação Social - Hab. Relações Públicas pela Universidade Católica de Pernambuco, mestrado em Ciências da Comunicação e Jornalismo pela Universitat Autònoma de Barcelona e doutorado em Jornalismo e Ciências da Comunicação pela mesma universidade. Assista à entrevista através do link: https://www.youtube.com/watch?v=H2FViEPqbzw

 

“Midiatização, colonialismo de dados e Covid-19”, Laura Guimarães Corrêa dialoga com Nick Couldry (LSE)

Laura Guimarães Corrêa, diretora do CISECO, entrevista o pesquisador Nick Couldry. Durante a conversa, Couldry articula questões da midiatização com a pandemia, bem como aborda o fenômeno – e fala enquanto conceito – de colonialismo de dados, relacionando o tema ao contexto da COVID-19. Nick Couldry é professor titular de Mídia, Comunicação e Teoria Social da LSE - London School of Economics and Political Science. Mais sobre o pesquisador em https://www.lse.ac.uk/media-and-commu.... Laura Guimarães Corrêa é professora Associada, integra o quadro de docentes permanentes do Programa de Pós-graduação em Comunicação Social da UFMG, com vínculo à linha Processos Comunicativos e Práticas Sociais. A entrevista pode ser assistida pelo Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=8gODadxBZY8

*Atenção: O YouTube oferece a opção de legendas automáticas. Basta acionar o botão de legendas na barra inferior do vídeo, em configurações, optar por “traduzir automaticamente” e escolher o idioma.

 

“Comunicação comunitária: mudanças sociais em meio à pandemia”, Raquel Paiva é entrevistada por Paulo César Castro

Paulo César Castro, diretor do CISECO, entrevista Raquel Paiva, pesquisadora na Escola de Comunicação da UFRJ, que fala sobre as mudanças que a sociedade vem enfrentando em diferentes instâncias durante a pandemia da COVID-19. Raquel Paiva é professora emérita da Escola de Comunicação da UFRJ, fundadora do Laboratório de Estudos em Comunicação Comunitária (LECC/ECO/UFRJ), e uma das principais referências, no Brasil, em estudos sobre comunicação comunitária. É autora e organizadora de mais de 20 livros, entre eles: "Política: palavra feminina", "O retorno da comunidade: novos caminhos do social", "Cidade dos Artistas" e "O espírito comum: comunidade, mídia e globalismo" Paulo César Castro é Professor associado da Escola de Comunicação da UFRJ, membro do Laboratório de Estudos em Comunicação Comunitária (LECC/ECO/UFRJ), professor e vice-coordenador do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação (PPGCI/IBICT/ECO/UFRJ) e diretor do CISECO. Assista a entrevista em: https://www.youtube.com/watch?v=dPm6N3R9chY

 

“Mídia e sociedade: os sentidos da pandemia na Argentina”, Antônio Fausto Neto recebe a pesquisadora Silvia Ramirez Gelbes

A pesquisadora Silvia Ramirez Gelbes, docente das Universidades de San Andrés e de Buenos Aires, é entrevistada pelo presidente do CISECO, Antônio Fausto Neto. Na conversa, os pesquisadores falam sobre os efeitos de sentidos decorrentes da pandemia no contexto midiático e social argentino. Silvia Ramirez Gelbes é professora e diretora do Mestrado em Jornalismo na Universidade de San Andrés e professora adjunta em Filosofia e Letras na Universidade de Buenos Aires. Doutora em Linguística, tem várias publicações científicas em revistas nacionais e internacionais como “Romanische Forschungen”, “Estudios Filológicos”, “Analecta Malacitana”, “Espacios Nueva Serie”, entre outras. Também é autora de “Cómo escribir un paper”. Antônio Fausto Neto é professor titular no Programa de Pós-Graduação em Comunicação da UNISINOS e presidente do CISECO. Confira a entrevista completa no link: https://www.youtube.com/watch?v=sYuDI_7iZv4

 

“Esportes na pandemia”, Sérgio Endler conversa com Édison Gastaldo

CISECO convida o professor do curso de Comunicação na Unisinos Sérgio Endler, para entrevistar o pesquisador Édison Gastaldo, sobre o mundo dos esportes durante a pandemia de Covid-19. Édison Gastaldo é Doutor em Multimeios pelo Instituto de Artes da Universidade Estadual de Campinas e tem Pós Doutorado em Sociologia pela University of Manchester (2001) e em Antropologia Social pelo Museu Nacional da UFRJ (2010). É professor adjunto no Centro de Estudos de Pessoal - Forte Duque de Caxias, no Rio de Janeiro. É coordenador geral do projeto “Torcedores” (Ministério do Esporte e CNPq), responsável pelo documentário “Torcedores, paixão e morte no país do futebol”. Em 2008, recebeu o Prêmio Brasil de Esporte e Lazer de Inclusão Social do Ministério do Esporte pelo vídeo "Praça Pública". Sérgio Endler é Doutor em Comunicação Social. É Professor Adjunto da Universidade do Vale do Rio dos Sinos e tem experiência na área de Comunicação, com ênfase em Jornalismo, Radiojornalismo, Teoria da Comunicação, Jornalismo Esportivo e Assessoria em Comunicação. Assista à entrevista clicando em: https://www.youtube.com/watch?v=T5DjfGfFMwI

 

“Mídia, política e pós-pandemia”, Tiago Quiroga conversa com Antônio Canelas Rubim

O Vice-diretor da Faculdade de Comunicação da UnB Tiago Quiroga entrevista Antônio Canelas Rubim, professor e pesquisador da UFBA. Entre outros assuntos, abordam a imprevisibilidade da pós-pandemia, a ampliação da dimensão virtual, relações entre a mídia e a política governamental no cenário brasileiro. Tiago Quiroga tem Pós-doutorado no Interdisziplinäre Zentrum für Historische Anthropologie, Freie Universität (FUB), Berlim, Alemanha. É doutor em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), Mestre em Comunicação e Cultura e bacharel em Jornalismo, ambos pela Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (ECO-UFRJ). Antônio Albino Canelas Rubim é formado em Comunicação pela Universidade Federal da Bahia e em Medicina pela Escola Baiana de Medicina, mestre em Ciências Sociais pela Universidade Federal da Bahia, doutor em Sociologia pela Universidade de São Paulo e pós-doutor em Políticas Culturais pela Universidade de Buenos Aires e Universidade San Martin. Professor titular da Universidade Federal da Bahia; docente do Programa Multidisciplinar de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade e do Programa de Artes Cênicas, ambos da UFBA. Pesquisador I - A do CNPq. Confira a entrevista clicando aqui: https://www.youtube.com/watch?v=-CADvNMys14

 

“As redes sociais na comunidade Quilombola do Matão”, Deva Heberlê entrevista Marco Antônio Tessarotto

A convite do CISECO, a jornalista Deva Heberlê entrevista Marco Antônio Tessarotto, que desenvolve tese sobre a comunidade Quilombola do Matão, localizada no agreste paraibano. O pesquisador fala sobre a relação da comunidade com os meios de comunicação massivos e, principalmente, com as redes sociais digitais destacando o Facebook. Tessarotto também comenta alguns aspectos que estão afetando os moradores do local durante a pandemia da COVID-19. Marco Antônio Tessarotto é Graduado em Comunicação Social - Jornalismo e Mestre em Sociologia da Mídia pela Universidade Federal da Paraíba. Tem especialização em Gestão Escolar pelo SENAC/SP e atualmente cursa Doutorado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Deva Heberlê é Mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade Vale do Rio do Sinos (Unisinos) – área de concentração Processos Midiáticos; tem Especialização em Relações Internacionais pela Universidade Católica de Brasília; e possui graduação em Jornalismo pela Universidade Católica de Pelotas. É jornalista na Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) desde 1997. Acesse a entrevista em: https://www.youtube.com/watch?v=QH5uU1odmxU

 

Pesquisadoras falam sobre o livro “Isolamento Social: relatos de mulheres jornalistas”

A convite do CISECO, Ana Lúcia Medeiros conversa com Zezé Béchade e Angélica Lúcia sobre o livro “Isolamento Social: relatos de mulheres jornalistas”. A obra é organizada por Kiára Fialho, Sandra Moura, Sônia Lima e Zezé Béchade, que aqui nos conta um pouco sobre o processo de produção do livro, o qual apresenta 64 relatos da realidade enfrentada por jornalistas mulheres na pandemia da COVID-19. Angélica Lúcio também participa do vídeo, é jornalista e autora de um dos artigos que fazem parte da obra. Divido em três partes – Medo, Esgotamento e Ressignificação – o livro é um registro da realidade pessoal e profissional que se mesclam na vida dessas mulheres. Ana Lúcia Medeiros é jornalista e pesquisadora, doutora em Comunicação pela Universidade de Brasília (UnB)/Université de Rennes-1 e estudos pós-doutorais na Universidade Federal da Bahia (UFBA). Zezé Béchade é jornalista formada pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e mestre em Direitos Humanos pelo Centro de Ciências Jurídicas da mesma instituição. Angélica Lúcio é jornalista, tem mestrado em Jornalismo pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Desde 2018, é jornalista concursada da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), estando hoje lotada no Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW-UFPB). Veja a entrevista no canal do CISECO: https://www.youtube.com/watch?v=6e-Uz27kBQQ

 

“As dinâmicas do cenário tecno-comunicacional na pandemia”, Rocco Mangieri é entrevistado por Pedro Russi

O especialista em semiótica Rocco Mangieri conversou com Pedro Russi, diretor do CISECO, sobre processos dicotômicos que envolvem o cenário tecno-comunicacional em que ocorre a pandemia da COVID-19. Rocco Mangieri é Arquiteto e semiólogo, estuda história da arte na Universidade de Roma. Especializou-se em Semiótica (DAMS, Universidade de Bologna) com Umberto Eco, Paolo Fabbri y Omar Calabrese. É doutor em Ciências Sociais (Universidade Central da Venezuela) e em Semiótica e Filologia (Universidade de Murcia). É Bolsista da Universidade de Urbino. Dirige o laboratório de semiótica e socioantropologia da Facultade de Artes da Universidade de Los Andes. Atualmente é professor visitante na Universidade de Módena, Departamento de Meios e Comunicação. Membro do CISECO desde sua fundação e da fundação da Associação Internacional de Semiótica - IASS. Pedro Russi é Professor e Pesquisador na Universidad de la República (UDELAR-Uruguay) e Professor Agregado no CENUR-LN/UDELAR Sede Paysandú. É Diretor do CISECO. Confira a entrevista em: https://www.youtube.com/watch?v=YBfH8Al6EsU

 

“Programa ‘Fora da Curva’: inclusão da comunidade através do rádio”, Antônio Heberlê recebe a pesquisadora Adriana Santana

Adriana Santana, docente da Universidade Federal de Pernambuco, conversa com Antônio Heberlê sobre os projetos que desenvolve junto a outros professores na universidade. Trata-se de um trabalho voltado para a informação e inclusão da comunidade através do programa “Fora da Curva” na rádio Paulo Freire. Adriana Santana é Doutora em Comunicação pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal de Pernambuco. Mestre em Comunicação e bacharel em Comunicação Social - Jornalismo pela mesma universidade. É Professora Associada do Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal de Pernambuco. Coordena o Grupo de Pesquisa Jornalismo & Humor e também é coordenadora e apresentadora do Programa Fora da Curva, projeto de extensão da UFPE veiculado pela Rádio Universitária FM (99.9 FM, Recife) e Rádio Paulo Freire (820 Khz, Recife). Antônio Heberlê é pesquisador da Embrapa e diretor do CISECO. A entrevista pode ser acessada em: https://www.youtube.com/watch?v=BriGo04A44g

 

“Semioses cicloturísticas no contexto da pandemia de Covid-19”, Aline Weschenfelder entrevista Demétrio Azeredo Soster

Demétrio Azeredo Soster, pesquisador e diretor-editorial da Editora Catarse, conversa com Aline Weschenfelder sobre as “semioses cicloturísticas” durante a pandemia e conta sobre sua experiência e as mudanças no cicloculturismo em razão da Covid-19. Demétrio de Azeredo Soster é Pós-doutor e Doutor em Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos, possui graduação em Jornalismo pela mesma universidade e mestrado em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Foi professor permanente do Programa de Pós-graduação em Letras – Mestrado e Doutorado e do Curso de Comunicação Social da Universidade de Santa Cruz do Sul. É organizador e autor de vários livros. Aline Weschenfelder é Jornalista pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS e tem mestrado e doutorado em Ciências da Comunicação pela mesma Universidade. Atua na secretaria executiva do Centro Internacional de Semiótica e Comunicação – CISECO desde 2009. Assista à entrevista em: https://www.youtube.com/watch?v=LvZsb-GagjE

 

Projeto Rádio Cordel: Antônio Fausto Neto entrevista Sheila Borges e Giovana Mesquita

Sheila Borges e Giovana Mesquita são docentes da Universidade Federal de Pernambuco e coordenam o projeto “Rádio Cordel”. Na entrevista, falam a Antônio Fausto Neto sobre a organização e implementação da proposta que vem se desenvolvendo através do Laboratório Aveloz, Agência de Comunicação Experimental do Curso de Comunicação Social, do Centro Acadêmico do Agreste, campus da UFPE em Caruaru. Giovana Borges Mesquita é Doutora em Comunicação pela Universidade Federal de Pernambuco, com bolsa CAPES pelo Programa Institucional de Bolsas de Doutorado Sanduíche no Exterior para a realização de estágio doutoral na área de Jornalismo, na Universidade Pompeu Fabra, em Barcelona, Espanha. É professora do PPGCOM da UFPE e professora adjunta da UFPE. Sheila Borges de Oliveira é professora adjunta da Universidade Federal de Pernambuco, do Núcleo de Design e Comunicação do Centro Acadêmico do Agreste. É jornalista, publicitária, especialista em História Contemporânea, mestra em Comunicação e doutora em Sociologia pelo Programa de Pós-graduação em Sociologia da UFPE. Antônio Fausto Neto é professor titular no Programa de Pós-Graduação em Comunicação da UNISINOS e presidente do CISECO. A entrevista pode ser assistida pelo link: https://www.youtube.com/watch?v=7aC_oHMgTUM

 

“Usos e práticas nas redes sociais durante a pandemia”, Aline Weschenfelder entrevista Deva Heberlê

Saindo da esfera do entretenimento e se voltando para preocupações com questões sociais, a jornalista Deva Heberlê conta, em entrevista concedida à Aline Weschenfelder, como faz uso de suas redes digitais para dar voz a personagens da vida real e os problemas que enfrentam durante a pandemia. Deva Heberlê é Mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade Vale do Rio do Sinos (Unisinos) – área de concentração Processos Midiáticos; tem Especialização em Relações Internacionais pela Universidade Católica de Brasília; e possui graduação em Jornalismo pela Universidade Católica de Pelotas. É jornalista na Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) desde 1997. Aline Weschenfelder é Doutora e Mestre em Comunicação pelo PPG em Comunicação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS e é formada em Jornalismo pela mesma Universidade. Atua na secretaria executiva do Centro Internacional de Semiótica e Comunicação – CISECO desde 2009. Confira a entrevista em: https://www.youtube.com/watch?v=K4m75z8qSEU

 

Fiocruz e os desafios da pesquisa na pandemia: Antônio Fausto Neto recebe Rodrigo Murtinho

Rodrigo Murtinho, diretor e pesquisador do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde da Fundação Oswaldo Cruz, em entrevista a Antônio Fausto Neto, conta sobre como a pandemia afetou a Fiocruz. Fala sobre os desafios enfrentados para reorganizar o trabalho que já vinha sendo feito, o combate às fake news e, principalmente, o importante papel dos pesquisadores em um momento de tantas incertezas. Rodrigo Murtinho é Diretor do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde da Fundação Oswaldo Cruz (Icict/Fiocruz). Doutor e Mestre em Comunicação pela Universidade Federal Fluminense, e graduado em Comunicação Social (Produção Editorial) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). É pesquisador do Laboratório de Comunicação e Saúde (Laces/Icict), onde desenvolve pesquisa sobre Políticas Públicas de Comunicação e Saúde e Direitos humanos, comunicação e saúde. É membro do corpo docente do Curso Especialização em Comunicação e Saúde e colabora em disciplinas do Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde (PPGICS/Icict). Antônio Fausto Neto é presidente do CISECO e professor titular e pesquisador no Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Unisinos. Veja a entrevista completa através do link: https://www.youtube.com/watch?v=1uIq1IBd0QE

 

“A pandemia e o rádio: cenário midiático e processos sociais”, Luiz Artur Ferraretto é entrevistado por Gilson Piber

Gilson Piber realiza entrevista com o professor Luiz Artur Ferraretto, a convite do CISECO. Na conversa, falam sobre o papel da mídia radiofônica durante a pandemia da COVID-19, a relação das redes sociais com a mídia profissional e a situação atual da pesquisa acadêmica no Brasil. Ferraretto é autor, junto com Fernando Morgado, do livro “Dez passos para o ensino emergencial no rádio em tempos de covid-19” que está disponível gratuitamente para download em https://bit.ly/10passosner . Luiz Artur Ferraretto é Doutor em Comunicação e Informação pela UFRGS. Professor do curso de Jornalismo e do Programa de Pós-graduação em Comunicação da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação da UFRGS. É pesquisador e coordena o Núcleo de Estudos de Rádio na mesma instituição. Gilson Piber é Doutor em Ciências da Comunicação pela Unisinos-RS. Jornalista formado pela UFSM-RS, integra a Coordenadoria de Comunicação Social da mesma universidade, com atuação nas rádios Universidade 800 AM e UniFM 107,9 MHz. Confira a entrevista clicando em: https://www.youtube.com/watch?v=XWsGkHF0Ywc

 

“Mídia e eleições norte-americanas durante a pandemia”, Gustavo Said conversa com o professor Michael Stricklin

Em entrevista concedida a Gustavo Said (UFPI) e realizada antes das eleições presidenciais de 2020 nos Estados Unidos, o professor Michael Stricklin discorre sobre as organizações de notícias da mídia nos EUA, durante a pandemia. Michael Stricklin é Professor Emérito na Graduação em Jornalismo da Universidade de Nebraska-Lincoln; Professor colaborador no curso de Comunicação Social da UFPI; Pesquisador Sênior Fulbright, UFPI (1999); Returned Peace Corps Volunteer, Sergipe, Brasil (1966-1968); PHD in Journalism and Mass Communication, University of Iowa (1977); MJ in Journalism, University of California, Berkeley (1972); BA in Journalism and English Literature, Baylor University (1966) Gustavo Said é Doutor em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos, professor titular - da graduação e do mestrado - da Universidade Federal do Piauí. Também foi professor visitante nas universidades de Nebraska-Lincoln e Ole Miss-Mississipi, nos EUA e conquistou o prêmio Donald Brenner Best Paper Award, conferido pela ISSSS - International Society for the Scientific Study of Subjectivity -, pelo melhor trabalho apresentado no congresso realizado por essa instituição no ano de 2013, em Amsterdã. A entrevista pode ser acessada pelo link: https://www.youtube.com/watch?v=oyVpeFGDUQI

*Atenção: O YouTube oferece a opção de legendas automáticas. Basta acionar o botão de legendas na barra inferior do vídeo, em configurações, optar por “traduzir automaticamente” e escolher o idioma.

 

Pandemia e hibridização da verdade: Manoella Neves entrevista a psicanalista Maria Carolina Marques

Convidada pelo CISECO, a professora dos cursos de Relações Públicas e Jornalismo da UFAL Manoella Neves entrevista a psicanalista e médica psiquiatra Maria Carolina Marques sobre Psicanálise, pandemia e hibridização da verdade. Carolina aborda temas como isolamento social, solidão e solitude, realidade, política, ciência e arte a partir da questão do sujeito e da linguagem. Sugestões de leituras e filmes, a respeito dos temas tratados na entrevista, são feitas ao final do vídeo como opção para unir lazer e conhecimento. Maria Carolina Marques é psicanalista, analista membro da Toro (escola de psicanálise), médica psiquiatra, professora do Seminário de Psicanálise na Residência de Psiquiatria da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas. Manoella Neves é professora adjunta da Universidade Federal de Alagoas, nos cursos de relações públicas e jornalismo. Doutora em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Mestrado em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Graduação em Relações Públicas pela Universidade Federal de Alagoas. Líder do Grupo de Estudos em Relações Públicas (GERP). Confira a entrevista no canal do CISECO: https://www.youtube.com/watch?v=xiAzdGsHeQM

 

Reitor da UFPel, Pedro Hallal é entrevistado por Ricardo Fiegenbaum a respeito do maior estudo epidemiológico sobre Covid-19 no Brasil

A convite do CISECO, Ricardo Fiegenbaum entrevistou Pedro Hallal, Reitor da Universidade Federal de Pelotas e Coordenador do Projeto de Pesquisa sobre a Evolução da Prevalência de Infecção por Covid-19 - Epicovid-RS e Epicovid-BR, maior estudo epidemiológico sobre Covid-19 no Brasil. Além de elucidações a respeito do Projeto Epicovid, Hallal responde sobre a importância da ciência no cenário atual em comparação ao anterior à pandemia, bem como faz algumas projeções em relação ao campo científico no futuro da sociedade. Pedro Rodrigues Curi Hallal é Reitor da Universidade Federal de Pelotas. Possui graduação em Educação Física, mestrado e doutorado em Epidemiologia pela Universidade Federal de Pelotas. Realizou estágio pós-doutoral no Instituto de Saúde da Criança da Universidade de Londres. Atua como docente associado da Universidade Federal de Pelotas no curso de graduação em Educação Física e nos programas de pós-graduação em Educação Física e Epidemiologia da mesma universidade. Ricardo Zimmermann Fiegenbaum é Coordenador da Coordenação de Comunicação Social da Universidade Federal de Pelotas. Possui graduação em Comunicação Social - Habilitação Jornalismo, mestrado e doutorado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos. É professor do Curso de Jornalismo do Centro de Letras e Comunicação da UFPel. Confira a entrevista no link: https://www.youtube.com/watch?v=31C-KzyG4zk

 

Pandemia e produção de sentidos: Antônio Heberlê recebe Pedro Gilberto Gomes, vice-reitor da UNISINOS

Antônio Heberlê conversa com Pedro Gilberto Gomes, Vice-Reitor e Professor titular no Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos, sobre pandemia e produção de sentidos. Os pesquisadores destacam situações que fizeram a sociedade sair da “zona de conforto” em razão da pandemia, mudando significativamente as formas de contato. A produção do vídeo contou com a colaboração de Denise Pacheco de Souza para a gravação. Pedro Gilberto Gomes possui graduação em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, é especialista em Teologia pela Pontificia Universidad Católica de Santiago, mestre e doutor em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo. É Vice-Reitor da Universidade do Vale do Rio dos Sinos – Unisinos, onde também é Diretor da Editora e professor titular. É membro do Conselho de Ciência, Tecnologia e Inovação do Rio Grande do Sul, Membro e Vice-Presidente do Conselho Superior da FAPERGS (Fundação de Amparo à Pesquisa do estado do Rio Grande do Sul. Antônio Heberlê é pesquisador da Embrapa e diretor/vice-presidente do CISECO. Assista à entrevista completa em: https://www.youtube.com/watch?v=E2EEB9SBASs

 

O pesquisador Daniel Pedroso é entrevistado por Antônio Fausto Neto sobre o impacto da pandemia no setor audiovisual

Antônio Fausto Neto entrevista com o professor e pesquisador Daniel Pedroso. Entre os assuntos pautados pelos pesquisadores estão as adaptações discursivas e visuais do telejornalismo, em vista de uma nova realidade imposta pela Covid-19, assim como o impacto das transformações televisivas para estudantes de comunicação social. Daniel Pedroso é Doutor em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio do Sinos - Unisinos, com Doutorado-Sanduiche no Departamento de Rádio, Televisão e Cinema da Escola de Comunicação da Universidade do Texas em Austin (bolsa CAPES); e Mestre em Ciências da Comunicação pela Unisinos. Cursou o Taller Avanzado Santiago Alvarez (direção de documentários) na Escola Internacional de Cinema e TV de Cuba; é Especialista em Produção Audiovisual pela PUC-RS e Graduado em Comunicação Social - Habilitação em Jornalismo pela Unisinos, onde hoje é professor assistente II nos cursos de graduação em Jornalismo e Realização Audiovisual. Também é professor no curso de especialização em TV Digital e integra o grupo de professores mentores da AGEXCOM, Agência Experimental de Comunicação da Unisinos atuando na área de Realização Audiovisual. Antônio Fausto Neto é presidente do CISECO e professor titular e pesquisador no Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Unisinos. Confira a entrevista em: https://www.youtube.com/watch?v=As4p7eOuwic&t=171s

Avatar

“Acho que os dez anos do Pentálogo traduzem a força proativa da pesquisa universitária conduzida por mestres cientificamente inquietos, mas institucionalmente persistentes, como é o seu caso. O CISECO surfa vitorioso nas dificuldades. Vai continuar ainda que seja grande a onda adversa para a educação e a cultura no momento.”

Muniz Sodré - UFRJ